Informe durante greve dos caminhoneiros: alguns hospitais do Rio de Janeiro comunicam suspensão temporária de cirurgias eletivas

O objetivo foi garantir que os recursos estivessem disponíveis para situações críticas e emergenciais

A FioSaúde compartilha notícia de que devido à greve dos caminhoneiros e ao desabastecimento de itens e insumos hospitalares, na semana do dia 28 de maio, alguns hospitais do Rio de Janeiro informaram suspensão temporária de cirurgias eletivas. O objetivo era garantir que os recursos atuais estejam disponíveis para situações críticas e emergenciais.

Confira abaixo quais hospitais adotaram a suspensão temporária de cirurgias eletivas no período da greve:

- Casa de Saúde São José (Humaitá)

- Hospital e Maternidade Santa Lúcia (Botafogo)            

- Hospital Pasteur (Méier)

- Hospital Santa Therezinha (Tijuca)  

- Hospital Pró-Cardíaco (Botafogo)

- Hospital de Clínicas Mário Lioni (Duque de Caxias)

- Hospital São Vicente de Paulo (Tijuca)

obs: a listagem de hospitais será atualizada de acordo com os informes que chegarem através dos Hospitais para a Caixa de Assistência. 

Enviado por comunicacao em seg, 28/05/2018 - 10:03.
Ver outras notícias sobre