A solidariedade nesta nova implantação de tabela

As mudanças definidas na nova precificação do FioSaúde, a ser adotada em maio de 2011, estão baseadas no princípio da solidariedade, presente nas autogestões de saúde, que é o caso do FioSaúde.
 
Com isso, ao mesmo tempo em que a patrocinadora do plano de saúde investe no subsídio em relação a alguns usuários que teriam um impacto representativo com a nova tabela, a solidariedade faz com que outros usuários não reduzam seus valores atuais, continuando a contribuir com as mesmas quantias mensais relativas à mensalidade do FioSaúde em 2010. Isso acontece, por exemplo, com usuários que possuem grupo familiar pequeno (ou plano individual). Nesse caso, se o total dos novos preços cobrados perfizer um valor menor que o até então normalmente pago pelo titular, a diferença (para menos) não será adotada e este continuará pagando em 2011 o mesmo que pagava até abril deste ano.

Para os usuários titulares que teriam a mensalidade reduzida, o valor da mensalidade atual será mantido, isto é, a redução não será aplicada. A manutenção do valor original será utilizada para diminuir o impacto daqueles que teriam um aumento considerável no valor da mensalidade atual.