ANS orienta: consultas, exames e cirurgias que não sejam urgentes devem ser adiados

Publicado no site da ANS em : 17/03/2020
A fim de liberar leitos para pacientes infectados pelo novo Coronavírus, bem como evitar que pessoas saudáveis frequentem unidades de saúde e possam vir a se contaminar, a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) orienta que consultas, exames ou cirurgias que não se enquadrem em casos de urgência e emergência sejam adiadas.

A ANS destaca a importância do isolamento social e da adoção de formas de comunicação à distância para que o processo de contaminação desacelere. Dessa forma, a ANS orienta que o beneficiário evite circular pelas ruas e se dirigir a unidades de saúde se não houver necessidade, dando preferência a se aconselhar com seu médico ou fazer contato com sua operadora por telefone ou usando outras tecnologias que possibilitem, de forma não presencial, a troca de informações para diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças. Para saber mais sobre esse tema, consulte o Guia Metodológico para Programas e Serviços em Telessaúde.

A ANS ressalta ainda que o exame para detecção do novo coronavírus foi incluído na cobertura obrigatória dos planos de saúde na última sexta-feira (13) e que os beneficiários devem se comunicar com suas operadoras para saber em que casos e como fazer o teste ou onde buscar atendimento se estiverem com a doença.
—————————————————————–
Fique atento:

– A FioSaúde disponibiliza ATENDIMENTO TELEFÔNICO 24h na Central de Orientação em Saúde (0800 772 8988), para TODOS OS BENEFICIÁRIOS (independente de idade) que estejam com dúvidas sobre COMO PROCEDER EM CASO DE SUSPEITA DE CORONA VÍRUS

– O EXAME DIAGNÓSTICO para o Corona Vírus, em nível ambulatorial (para aqueles que possuem pedido médico), estava sendo realizado pelo Centro de Medicina Nuclear da Guanabara (em nível de atendimento domiciliar – tel 4002-0203). No entanto, em vista da alta demanda, o prestador passou a direcionar seus estoques somente para os pacientes em atenção hospitalar.